INTZ Tetracampeã CBLoL 2019

Para muitos fãs de eSport, o impensável aconteceu no último sábado: o Flamengo eSports, dono da melhor campanha da história do CBLoL, e favorito ao título, foi derrotado na grande final. Em uma série acirradíssima, e com desempenhos individuais avassaladores, a INTZ e-Sports Club venceu os rubro-negros por 3 a 2, sagrando-se campeão da elite do League of Legends brasileiro pela quarta vez.

O mid-laner Bruno “Envy” foi, sem dúvida, uma das principais razões para a conquista. Eleito o Jogador Destaque de 4 partidas, seu desempenho com Ryze foi destruidor, com direito a um Pentakill na defesa da base. E, depois, sua LeBlanc (que terminou 11/0/8) simplesmente não deu trégua para o Kog’Maw de Felipe “brTT”.

Esta foi a primeira vez que a INTZ chegou a uma final em dois anos, desde seu período conhecido como Exódia. O apelido surgiu em razão de sua formação obliteradora, com alguns dos melhores nomes da história do eSport nacional. Yang, Revolta Tockers, Micao e Jockster colecionaram 3 títulos do CBLoL nas temporadas 2015-2016.

INTZ supera os favoritos do CBLoL

INTZ Taça do CBLoL 2019 - Fonte: Flickr Riot

INTZ Taça do CBLoL 2019 – Fonte: Flickr Riot

Por outro lado, o Flamengo, com 20 vitórias em 21 jogos, e 18 vitórias únicas consecutivas, amarga seu segundo vice-campeonato seguido. Com números impressionantes, o Flamengo era o favorito ao título e, para muitos torcedores, jornalistas e especialistas, sua vaga no Mid-Season Invitational já estava reservada. E tudo isso se confirmou com naturalidade após a primeira partida. Quebrando o recorde que era justamente da INTZ, o Flamengo teve a vitória mais rápida do split, destruindo o nexus dos Intrépidos em 22 minutos.

Ironicamente, a partida seguinte foi uma das mais longas. A INTZ levou 45 minutos para vencer, com direito até a roubo do Dragão Ancião pelas mãos de Shini. Um tempo incomum no meta atual, mas um tempo ideal para campeões como o Ryze de Envy. O caçador coreano Byeong-Hoon “Shrimp”, de Karthus, mal conseguiu clicar na partida.

O Flamengo reagiu na terceira partida, vencendo após quase 48 minutos. Fizeram dois Barões e, apesar de alguns erros, controlaram o jogo até o fim. A INTZ resistiu bravamente – com um pentakill do Envy de Ryze na defesa da base, mas o Flamengo conseguiu se encontrar e pressionar os adversários até a vitória.

Na quarta partida, o Flamengo tinha a chance de erguer a taça: bastava só mais uma vitória. Mas a INTZ estava decidida a não deixar isso acontecer. Com uma composição destruidora – Hecarim no topo, Jarvan na selva, LeBlanc no meio, e uma bot-lane insana com Draven e Morgana – a INTZ, mais uma vez, destruiu a estratégia do Flamengo, que é conhecida por jogar em volta do atirador e carregador brTT, de Kog’Maw, um Campeão sem habilidades de fuga. A feiticeira assassina LeBlanc simplesmente não deixou o “Pai” jogar.

Tudo igual, o Flamengo foi para a quinta partida com uma mentalidade mais tradicional, fazendo uma composição segura. Sion no topo, Jarvan na selva, Corki no meio, e Lucian e Thresh no bot. A INTZ também teve o mesmo approach, repetindo Draven e Morgana no bot, Ahri no meio, Rek’Sai na selva e Kayle no topo. A pressão pareceu começar a afetar os jogadores do Flamengo, que cometiam erros bobos – e que a INTZ não perdoava. Aos 33 minutos, a INTZ foi para a vitória após uma luta favorável. O Flamengo não conseguiu defender o Nexus, e os Intrépidos abateram os defensores um a um.

INTZ Tetracampeã CBLoL 2019 - Fonte: Flickr Riot

INTZ Tetracampeã CBLoL 2019 – Fonte: Flickr Riot

Com o título do CBLoL, a INTZ também conquistou o direito de representar o Brasil no Mid-Season Invitational (MSI), torneio internacional conhecido como “mundialito”. Com equipes das 13 regiões competitivas de LoL do mundo, a disputa acontece de 1 a 19 de maio no Vietnã e na Taipé Chinesa. E um dos possíveis adversários da INTZ foi decidido lá nos Estados Unidos.

TSM X Team Liquid na LCS América do Norte

Não foi só no Brasil que os eSports pegaram fogo. No sábado (13), aconteceu a Grande Final da Liga Norte-americana de League of Legends (NA LCS), entre dois titãs do esporte eletrônico: Team SoloMid (TSM) e Team Liquid (TL).  Mais de 10 mil pessoas assistiram à final presenciamente na Chaifetz Arena, em St. Louis, Missouri. E mais de 600 mil pessoas acompanharam a final ao vivo pela internet, no YouTube e Twitch.

A Team Liquid, que havia sido campeã dos últimos dois splits da LCS, era favorita ao título. Só que os fãs da TL caíram em silêncio incrédulo ao verem a Team SoloMid vencer as duas primeiras partidas. Faltava só mais uma vitória para a TSM fazer história, mas foi a Team Liquid que decidiu escrevê-la. Eles conseguiram a virada, e venceram as 3 partidas restantes, para conquistarem o título da LCS pela sexta vez.

Ironicamente, na semi-final, a TSM havia vencido a Cloud9 por 3 a 2 de virada após começarem perdendo por 2 a 0.

Por Greg Candalez

Sobre nós

Somos uma agência de comunicação diferente, que há 21 anos se dedica a um único mercado: games. Promovemos a interação das empresas com o público geek e gamer brasileiro. Oferecemos  suporte a corporações dos mais diversos setores que desejam conectar suas marcas com os fãs de games, torcedores de eSports, influenciadores e jornalistas.

Acompanhe nossas redes sociais: Facebook | Twitter | LinkedIn


Recent Posts / View All Posts

Pokémon GO Atinge 1 Bilhão de Downloads

1 Bilhão de Downloads: Pokémon GO Atinge Marca Histórica

| Blog, Games | No Comments

Para quem pergunta “quem ainda joga Pokémon GO?”, está aí a resposta. O game mobile de exploração e captura de monstrinhos, produzido pela Niantic, atingiu um marco incrível onde poucos…

O que é Streaming?

Streaming: O Assunto mais Discutido na Internet em Março de 2019

| Blog, Games | No Comments

Afinal, o que é streaming? Desde que o Grande Irmão Google anunciou sua entrada pra o mundo do streaming não se fala em outra coisa na Internet. O Stadia, serviço…

INTZ Tetracampeã CBLoL 2019

INTZ e-Sports Club é Tetracampeã do CBLoL 2019!

| Blog, eSports | No Comments

Para muitos fãs de eSport, o impensável aconteceu no último sábado: o Flamengo eSports, dono da melhor campanha da história do CBLoL, e favorito ao título, foi derrotado na grande…

Bart Vira Pro Player e Introduz “Os Simpsons” no eSport

| Blog, eSports | No Comments

Olha que bacana: os redatores de “Os Simpsons” consultaram a Riot Games, publisher de League of Legends, para pegar dicas e  escrever o episódio “E My Sports”. Exibido no fim…